Reunião de 29/07/2010

De Garoa Hacker Clube
Ir para: navegação, pesquisa

Local: Escritório Piloto da Poli-USP

Horário: Das 19:30 às 21:30

Participantes:

  • Alberto Fabiano
  • Asa Luis Fagundes
  • Catia Kitahara
  • Fredy Cavignato
  • Felipe Sanches (Juca)
  • Hugo Borges
  • Kemel Zaiden (http://www.ubuntu-sp.org/)
  • Monacer Ericson da Silva
  • Paulo Oliveira (Kretcheu)
  • Thiago Costa de Paiva (TCP)
  • Mauro Baraldi
  • Fredy Cavignato
  • Quadros
  • Diego Spinola


Infraestrutura

Primeiro começamos a discutir o que iríamos querer no Hackerspace de início. Algumas das pessoas listaram vários coisas. Mas percebemos que é cedo ainda para saber o que adquirir visto que podemos conseguir doações e empréstimos.

Sugerimos que então cada pessoa coloque no wiki o que gostaria que o hackerspace tivesse de infraestrutura (seja em relação a equipamentos, ferramentas, mobiliário, entre outros).


Captação de recursos

No primeiro encontro decidimos que cada membro fundador iria colaborar com 600 reais nos próximos 6 meses (100 por mês). Esse dinheiro será usado para bancar a abertura da empresa, um certo investimento em infraestrutura e para manter um certo dinheiro em caixa.

Como o processo de abertura de empresa deve levar ao menos 2 meses, e até mais caso haja algum problema no estatuto é interessante que inicialmente tenhamos uma forma de captar as mensalidades sem ter a empresa. Até porque é estimado que gastemos algo entre 750 e 1500 reais para a abertura da empresa.

Duas pessoas (Hugo Borges e Alberto Fabiano) se responsabilizaram em abrir uma conta conjunta até a próxima reunião. Se abrirem uma conta conjunta com titulares não solidários, a movimentação na conta só é possível com a assinatura conjunta de todos os titulares, o que dá mais segurança para os outros membros. A conta bancária seria informada para os membros.

O membro preferencialmente deve pagar a quantia de 100 reais por mês. Se não puder poderá pagar em outro mês e, se puder, poderá pagar um valor maior (até o limite de 600 reais). O membro deve então guardar o certificado de depósito e enviá-lo para os responsáveis pela conta. É importante que os membros enviem o comprovante (número, data e horário) para que se faça o controle do pagamento. É importante também que todos que estejam contribuindo participem ao menos de uma das reuniões presenciais para termos conhecimento de quem é a pessoa.

Os responsáveis pela conta (Hugo e Alberto) devem ser transparentes e preencher uma planilha com os balanços da conta mensalmente (quantos depósitos foram feitos, qual o valor dos depósitos no mês atual, qual o balanço atual da conta?).


Local do Hackerspace

Voltamos então a discussão sobre o local do Hackerspace.

Alguns afirmaram que o espaço da Casa de Cultura Digital (CCD) não é muito apropriado para o hackerspace. Isso por ser um espaço muito pequeno e por podermos ter problema de segurança no local (acesso de pessoas desconhecidas, etc).

O Felipe sugeriu que marcássemos um dia para conhecer o local e conversar com os responsáveis. Isso poderia facilitar para que conseguíssemos o espaço. Eu sugeri então que tentemos marcar a nossa próxima reunião lá.

O Felipe ficou responsável por tentar marcar nossa próxima reunião na CCD. Porém, isso ainda não é certeza. Ele deverá nos informar sobre isso na próxima semana.


Plano B

Caso não consigamos o espaço da CCD ou ele se mostre inadequado precisaremos pensar em alternativas. Foi citado que podemos conseguir a autorização para uso de prédios/galpões públicos que estejam desocupados.

Sugerimos que todos os participantes pesquisem que tipos de espaços públicos poderemos usar com custo reduzido.

Não tendo essa opção, a última passa a ser alugarmos o nosso próprio espaço.

Alguns requisitos:

  • O espaço deve ficar numa região central da cidade (centro expandido, entre as marginais) e que que tenha opções de transporte público (se possível metrô)
  • Temos preferência por casas ou prédios pequenos. Prédios comerciais podem ter muitas restrições de horário de funcionamento e também em relação a ruído.
  • Tamanho do espaço: entre 50m2 e 150m2.
  • Regiões que foram sugeridas: Barra Funda, centro (República, Santa Ifigênia)
  • Custo: até 1500 reais
  • O local precisa estar em bom estado (estrutural). Poderemos fazer um mutirão para pintar e deixar o local em melhores condições.